top of page

RESGATE DE VALORES NA POUPANÇA EM 2022 FOI O MAIOR DESDE 2015, SEGUNDO BC

A caderneta de poupança teve um resgate superior aos 103 bilhões de reais em 2022, quase o dobro da maior perda anual já registrada até então, foi a constatação do Banco Central. ** As perdas da aplicação no ano ocorreram em meio à elevação da taxa de juros pelo Banco Central para controlar a inflação, o que contribuiu para reduzir a competitividade da poupança frente aos investimentos em renda fixa. No ano passado, o Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo registrou um saque líquido no valor de quase 81 bilhões, enquanto a poupança rural acumulou uma retirada que superou os 22 bilhões de reais.

Imagem: Charles Thompson/Pixabay

Os dois valores foram os maiores da série do Banco Central, com início em 1995. Além de reduzir a disponibilidade de renda das famílias, a alta dos juros também afeta diretamente o rendimento da poupança. Com a Selic acima de 8,5% ao ano, os depósitos na poupança têm rendimento fixo de meio por cento ou 6,17% ao ano, acrescido da taxa referencial, o que deixa a remuneração mais baixa do que outros investimentos de renda fixa. Até então, o maior saque anual na poupança havia sido registrado em 2015, quando a Selic também estava em alta, e o saque superou os 53 bilhões de reais.


Fonte: CNN Brasil

Adaptação: Gabriela Rodrigues


Commenti


bottom of page